Acorde-me (Portuguese Edition) por Pamela Décourt

January 18, 2020

Acorde-me (Portuguese Edition) por Pamela Décourt
Titulo del libro : Acorde-me (Portuguese Edition)
Fecha de lanzamiento : August 18, 2018
Autor : Pamela Décourt
Número de páginas : 120

Obtenga el libro de Acorde-me (Portuguese Edition) de Pamela Décourt en formato PDF o EPUB. Puedes leer cualquier libro en línea o guardarlo en tus dispositivos. Cualquier libro está disponible para descargar sin necesidad de gastar dinero.

Pamela Décourt con Acorde-me (Portuguese Edition)

Seria muito bom, e eu realmente acharia útil, ter o poder de gritar e ser ouvido. Parece simples, colocando desta forma. Mas eu já não sabia mais o que fazer, para onde ir ou a quem recorrer. Eu estava dormindo, ao olhar de todos. Não havia mais ninguém naquela casa que pudesse me ajudar? Seria tão fácil... agora eu entendi! Era só... bastava só eu acordar! SER acordado. Aquele mantra horrendo me mantinha dormindo para que tudo fosse feito. Para que eu ficasse preso e sonhando para sempre. Eu gritava. Gritava sem parar.
Também, se houvesse vizinhos por perto na certa já estariam acostumados e, para ser sincero – até um pouco irritados, com esse fenômeno; não era nenhuma novidade, por isso não haveria nem espanto. O que então eu poderia fazer? Dessa vez era diferente. Eu sabia que não teria volta. Eu ficaria ali, preso, trancafiado em meu sonho, vendo meu corpo ser usado por outra pessoa. Mas eu estava acordado, gritando, pedindo, implorando, usando todas as minhas forças para conseguir levantar minhas pálpebras. Se conseguisse, estaria prometido não dormir nunca mais na vida.
Antes fosse um pesadelo, antes fosse alucinação, antes fosse qualquer outra coisa. Explicar é uma tarefa difícil demais. Estou perdido aqui... Será que tem alguém aí? Alguém que possa me ajudar? Não estou pedindo nada complicado, por favor, alguém...? Eu sei que isso não é real, não tentem me enganar! Já perguntei muitas vezes, por que eu? Por favor, não é possível, alguém me escute... eu só quero uma coisa, por favor... ACORDE-ME!!